sábado, 2 de abril de 2011

Aqui, com você e pra você.

Eu estava pensando em algo que pudesse expressar um sentimento que achava a um tempo atrás, não podia existir. Procurei palavras, e acredite, ainda estou procurando, o que sinto, nunca será uma brincadeira. Nunca. O amor que eu tenho, a admiração e a vontade de eu estar ao seu lado, é maior que tudo. Eu largaria tudo, até mesmo, a minha felicidade, pra te ver bem. Pra te fazer bem. Se eu soubesse que um anjo apareceria na minha vida, seria tudo mais fácil, e eu ficaria bem mais tranquila. Caminharia, com a certeza que no final tudo iria ficar bem, pois você estaria comigo. Tudo agora é melhor, é mais fácil, pois caminho com você. E se estou de pé, se me mantenho forte, é por sua causa. É por que tenho você. Há muito tempo, parei de viver só pra mim, e agora, vivo para as pessoas que eu amo, por que se fosse por mim, eu não estaria aqui. Não mesmo. Mas não estou aqui pra falar de mim, estou aqui pra falar de você, e do quanto eu te amo. Sabe, às vezes passa pela minha cabeça como seria difícil se você não tivesse você aqui. Como ficaria tudo mais escuro, se não houvesse sua luz, seu sorriso, sua companhia. Não posso nem pensar em viver sem você aqui. Não posso imaginar a hipótese de te perder, ou de te deixar ir embora, sem antes arrumar minhas coisas pra irmos juntas. Então vamos combinar uma coisa: quando estivermos desesperadas, afim de fugir, de se matar ou coisa do tipo, faremos isso juntas ok? É difícil falar em poucas palavras. Em muitas palavras também. Eu poderia escrever um livro talvez, mas nada do que sinto, seria expressado. Você sabe, que a qualquer hora, de qualquer lugar, pode contar comigo, pois eu sempre grave bem, sempre estarei aqui com você, pra você. E todos os seus problemas, juro que farei o possível e o impossível pra ficarem menores. Sem você, eu já não posso ficar. Jura pra mim, que será pra sempre, que nunca vai me deixar, e que nunca pensará ir embora sem mim? Jura que vai ser eternamente assim, mesmo que seja só eu e você? Jura também, que viverá pra sempre do meu lado, não em matéria, mas em espírito, em alma?
Priscilla Martins.



Nenhum comentário:

Postar um comentário